fbpx
MUSICBOX
Filtrar Eventospor data, mês e tipo...

Liveurope, uma iniciativa que junta salas de concertos icónicas incluindo o Musicbox em Lisboa, foi selecionado para um fundo da União Europeia pela terceira vez consecutiva e vai continuar a expandir a circulação de novo talento Europeu nos próximos 3 anos.

Liveurope, uma iniciativa que junta salas de concertos icónicas europeias, incluindo o Musicbox em Lisboa, foi selecionado para um fundo da União Europeia pela terceira vez consecutiva e vai continuar a expandir a circulação de novo talento Europeu nos próximos 3 anos. Com um orçamento alargado e 5 novas salas, a “Liveurope vai continuar a desempenhar um papel essencial na recuperação pós-covid do sector da música ao vivo”, pode ler-se num comunicado. Desde 2014, mais de 66 artistas de Portugal beneficiaram do apoio desta iniciativa. Entre eles, Paus, Batida, Surma, Throes & The Shine e Lavoisier.

Estabelecidos em 2014 com financiamento da União Europeia, Liveurope apoia salas de concerto de topo através do continente para programar os mais promissores artistas europeus. Através de mecanismos progressivos e altamente eficientes, a plataforma distribui financiamento para os seus membros em proporção com a quantidade de jovens artistas Europeus que eles programam. Em média, este modelo já ajudou salas de concerto a programar 63% mais artistas emergentes europeus estrangeiros que antes de se juntarem à plataforma. (Principais indicadores em baixo)

O Musicbox tornou-se membro da rede Liveurope em 2015 e desde então tem vindo a programar centenas de artistas emergentes europeus à data desconhecidos do público nacional, tais como Tarta Relena, Faux Real, Kero Kero Bonito, The Parrots, Cocaine Piss, The KVB ou C. Tangana.

The Parrots por Filipa Aurélio

Em 2022, a Liveurope entra numa nova fase com um aumento no orçamento anual de 40% (de €500,00 por ano de 2014 a 2021 para €700,000 de 2022 a 2024) com a inclusão de 5 novas salas (de 15 para 20 membros efetivos). Com um financiamento total de 2.1 milhões de euros em 3 anos, a plataforma tem como objectivo ter um papel activo na recuperação pós-pandémica do sector da música ao vivo.

“Depois destes anos difíceis para o nosso sector, estamos orgulhosos de continuar a crescer a nossa colaboração europeia e apoiar mais salas a expandir a sua programação europeia. Através deste apoio, esperamos ajudá-los a apresentar uma maior diversidade de música europeia às suas audièncias” acrescenta Elise Phamgia, coordenadora da Liveurope

“Liveurope é um parceiro-chave nos nossos esforços partilhados para dar oportunidade a artistas emergentes de subir ao palco, conhecer e desenvolver as suas audiências ao longo da Europa” – Mariya Gabriel, Comissária Europeia para a Inovação, Investigação, Cultura, Educação e Juventude.

Liveurope vai introduzir também novas prioridades e actividades para continuar a fortalecer o seu impacto no sector e promover uma diversidade europeia. A plataforma vai continuamente envolver-se em tópicos societários urgentes como a ecologia ou a igualdade de género, abrigando discussões além fronteiras entre os seus membros e desenvolvendo ferramentas concretas para os enfrentar. As próximas edições do festival itinerante da Liveurope será reforçado com a inclusão de sessões de treino e coaching com o objectivo de apoiar os artistas no desenvolvimento das suas carreiras.

Tarta Relena por Filipa Aurélio

Liveurope em figuras-chave

+2900 concerto com novos talentos europeus apoiados em 7 anos, incluindo artistas agora establecidos como Christinne and the Queens (França), Rosalía (Espanha) ou MØ (Dinamarca)

63% de aumento no número de artistas europeus estrangeiros programados por sala de concertos que na média pré-covid

66% aumento no número de nacionalidades programada por sala de concertos no total

30% aumento da circulação de aumento da circulação de repertório cantado noutra língua que não o inglês

40% de aumento do orçamento anual (de €500,000 por ano de 2014 a 2021 para €700,000 de 2022 a 2024)

54% aumento no número de membros efetivos desde 2014 (de 13 para 20) 

X