Quinta, 18 Abril
22h00
quartoquarto regressam ao Musicbox para um concerto com convidados especiais, entre os quais: Iguana Garcia (a quem também cabe a abertura desta noite), António Agostinho (Melquiades), Óscar Silva (JIBÓIA) e outros ainda por anunciar.
Na noite de 18 de Abril o Musicbox servirá de palco para o epicentro de um exorcismo conjunto no qual os quartoquarto se apresentam acompanhados por aqueles que conscientemente ou não, desempenharam um papel fulcral na sonoridade da banda. “antes depois” é um disco que se esconde atrás de uma expressão sem memória, expressão essa que será baralhada, partida e redistribuída pelas mãos de todos os que nesta noite habitarão o palco desta casa. O álbum irá receber as almas, as emoções e as vozes dos simultaneamente artistas e amigos: Iguana Garcia, António Agostinho (Melquiades) e Óscar Silva (Jibóia).
Fechadas a várias chaves estão ainda algumas surpresas fora do contexto do primeiro disco, fruto do universo artístico e emocional que rodeia a banda e do trabalho que João Vidigueira (voz), Luís Lucena (guitarra, baixo, programações), João Abelaira (teclas) e Diogo Sousa (bateria, sampler) têm vindo a desenvolver nos últimos meses.
Primeira Parte: Iguana Garcia “Cabaret Aleatório” é o título do álbum de estreia de Iguana Garcia editado a 29 de Setembro de 2017. Gravado, misturado e masterizado nos estúdios HAUS, o longa duração de estreia contem os orelhudos singles:Não Sendo Nómada e 60 KF.
João Garcia chama-se Iguana Garcia, mas podia ser o Camaleão Paulo – tudo o que cabe no universo do Lisboeta assemelha-se mais ao réptil de cor mutável do que a um lagarto vegetariano, mas nem por isso o nome lhe fica a dever em algo. A música de Iguana Garcia precisa do catalizador UV com a mesma intensidade que o réptil a que rouba o nome, exalando tropicalismo, psicadelismo e outro tipo de ismos que não vivem de ideias, mas de construção de identidades sonoras. A de Iguana Garcia é maior do que as fronteiras em que nos fechamos.
X